Yosemite Park

Yosemite Park

 

 

 

Yosemite Park

 

 

 

No oitavo dia da nossa viagem a programação era pegar a estrada em direção ao Yosemite Park. Estávamos no Balboa RV Park, um camping ao norte de Los Angeles. Acordamos, demos uma “geral” na casinha, lidamos com os reservatórios, esvaziando os de dejetos e enchendo o de água, conferimos gás e combustível e os suprimentos e pé na estrada.
Trajeto Los Angeles - Yosemite Park
Trajeto Los Angeles – Yosemite Park
Nesse mapa dá pra entender melhor a posição do Parque no estado. Estávamos indo para o norte, e esperando que a temperatura baixasse, mas continuou bem agradável. Há quatro entradas principais para o Parque: Arch Rock (Hwy 140), South Entrance (Hwy 41), Big Oak Flat (Hwy 120 oeste) e Tioga Pass (Hwy 120 leste).  Entramos pela hwy 120 leste. Ao chegar próximo ao parque, perdemos todo o sinal de telefone e internet. Ficamos completamente isolados do mundo até depois de sair dele, três dias depois. No Parque, vimos pessoas usarem o celular normalmente, mas é bom saber que isso pode ocorrer e avisar aos parentes que você pode ficar incomunicável antes de chegar! É importante, também, encher o tanque antes de entrar no Parque. Lá são poucos os postos, com preços mais altos.
A ideia era ir direto ao Mariposa Grove ver as sequoias gigantes. Porém, chegamos mais tarde do que o esperado e fomos direto para o Wawona Camping. E aqui aproveitamos para falar sobre as opções de hospedagem, que são basicamente três:
  • Se você estiver viajando de motorhome ou levando sua barraca, a opção mais indicada são os campings públicos. Eles ficam dentro do parque e são lindos! Os dois que ficamos eram bem cuidados, com um rio que corta o camping. Há dois inconvenientes: normalmente é necessária a reserva de abril a setembro, que é feita online, através do pagamento de uma taxa, com 5 meses de antecedência. Só que a procura é muito grande, e se você não tiver esse tempo de antecedência do planejamento, suas chances de conseguir um “site” são pequenas. Li as avaliações e escolhi o site que eu queria reservar. No dia da abertura da agenda, às 13h (hora do Rio de Janeiro, correspondendo às 7horas na California), eu já estava com todo o processo preparado, apenas para confirmar no momento em que abrisse e … não consegui o site que queria. Consegui outro, que no final não fez muita diferença. Mas estávamos indo em Abril, acredito que a procura em julho ou agosto seja ainda maior. A outra desvantagem é que não há energia disponível, apenas na área comum, o que não foi problema já que tínhamos o gerador para usar o microondas ou o aquecedor (à noite a temperatura caiu bem!).
  • Outra opção são os hotéis dentro do Parque. Como pode-se imaginar, seus preços não são muito amigáveis. Mas, segundo relatos, tem seu charme.
  • A última opção são os hotéis nas cidades próximas ao Parque. Seus preços são consideravelmente inferiores aos hotéis do Parque, mas é necessário sair (e no dia seguinte retornar), perdendo bastante tempo. Quando se está viajando com crianças, então, essa opção é bastante complicada. Vale pesar o que funciona melhor pra você.
Wawona Campground
Wawona Campground
Wawona Campground
Wawona Campground
Ficamos com medo dos vários avisos para não deixar alimentos, produtos de limpeza e nada que tivesse cheiro forte no interior da barraca ou do carro, por causa da visita dos ursos, e colocamos tudo no armário disponibilizado por eles. No dia seguinte descobrimos que, no caso dos RVs, isso não era necessário. Melhor prevenir, né?
Sequoias gigantes no Mariposa Grove
Sequoias gigantes no Mariposa Grove
California tunnel tree, Mariposa Grove. Yosemite National Park, California, USA.
California tunnel tree, Mariposa Grove. Yosemite National Park, California, USA.
No dia seguinte fomos finalmente conhecer as sequoias gigantes. Deixamos o “carro” no centro de visitantes e fomos de ônibus (incluso no ingresso). Há opções de trilhas para todos os gostos, a partir do ponto que o ônibus nos deixa. Não fizemos a maior mas andamos bastante, mesmo com os 3 meninos (11, 8 e 5) andando e a caçula (1) na “mochila”, nas costas. Foi tranquilo, e ficamos bem impressionados. Abusamos das fotos panorâmicas para conseguir enquadrar as “arvorezinhas”. Lembrando que, como perdemos as fotos, as que ilustram esse post foram emprestadas da web.
Encontramos um excelente guia para quem vai visitar o Yosemite no MauOscar. Obrigada Mauricio e Oscar!
No próximo post continuaremos nosso passeio pelo Yosemite National Park. E você, já foi ao Yosemite? Gostaria de ir? Conta pra gente!

 

 

 

 

 

 

 

 

']); _gaq.push(['_trackPageview']); (function() { var ga = document.createElement('script'); ga.type = 'text/javascript'; ga.async = true; ga.src = ('https:' == document.location.protocol ? 'https://ssl' : 'http://www') + '.google-analytics.com/ga.js'; var s = document.getElementsByTagName('script')[0]; s.parentNode.insertBefore(ga, s); })();